Twitter
RSS
Personalizar
Prefeitura de Araras

ESTADO DE SÃO PAULO

Município de Araras

Segunda-feira, 21 de Abril de 2014 | 11:50

Inicial >> Notícias

Espaço Interativo
Prefeitura de Araras
Entre em contato!
Página InicialEntre em contato!

Prefeitura firma convênio para implantar residências terapêuticas
Prefeitura vai repassar para Fundação Antonio Luiz Sayão R$ 18 mil mensais do Fundo Municipal de Saúde

Tamanho da letra
27/06/11 às 18:20

A desinstitucionalização e efetiva reintegração de doentes mentais graves na comunidade são tarefas às quais o SUS (Sistema Único de Saúde) vem se dedicando com especial empenho nos últimos anos. Em Araras, essa realidade não está sendo diferente.

Nesta terça-feira (28), a Prefeitura publica convênio com a Fundação “Antonio Luiz Sayão” para implantação do Projeto “Residência Terapêutica”, que terá o objetivo de devolver aos usuários o direito de posse pela sua individualidade, minimizando os danos causados pelo abandono sociofamiliar, bem como os danos causados pelo hospitalismo e pela institucionalização, visando o exercício de plena cidadania. O convênio será por cinco anos.

A Prefeitura vai repassar para Fundação R$ 18 mil mensais que vêm para o Fundo Municipal de Saúde através do governo do Estado de São Paulo, e uma complementação de R$ 8.154,59 que visa custear parte do valor total do projeto, destinada ao pagamento de pessoal, encargos sociais e despesas administrativas.

Renata Sparenberg Oliveira, terapeuta ocupacional e coordenadora da Saúde Mental no município, afirmou que as residências terapêuticas são casas, semelhantes à república de estudantes, destinadas às pessoas portadoras de sofrimento psíquico intenso (esquizofrênicos, psicóticos, neuróticos graves) que hoje estão com sintomas estabilizados, ou seja, não apresentam mais crises agudas - apenas tomam remédios - e que perderam laços familiares e sociais por abandono nos hospitais psiquiátricos.

“É uma oportunidade desses pacientes resgatarem a cidadania de forma completa, pois terão preservadas sua independência e autonomia”, disse a terapeuta.

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Serviço de Saúde Mental, fez o projeto e foi contemplada com o incentivo para a implantação, inicialmente, de três Residências Terapêuticas na cidade - há possibilidade de mais duas unidades.

Para a terapeuta, essa iniciativa chegou em um bom momento, porque a cidade hoje em dia está vivenciando a crise entre o convênio SUS e a Clínica Sayão. “Nós, da coordenação da residência terapêutica, juntamente com a equipe de profissionais do Caps “Idalina Corredor Victorello” e a Secretaria de Saúde de Araras já trabalhávamos neste processo há um ano”, explicou.

Segundo Renata, com o convênio, a Fundação Antonio Luiz Sayão vai administrar a parte logística desta casas.
Pelo projeto, os usuários terão atendimentos específicos para seus diagnósticos psiquiátricos no Caps e os eventuais problemas clínicos que possam surgir serão atendidos pela equipe do PSF mais próximo de suas casas, como qualquer cidadão de Araras. A Prefeitura também disponibilizará um coordenador em residências terapêuticas para supervisionar e atuar terapeuticamente.

 

Como vai funcionar

As três casas estão sendo alugadas perto do Caps. Nelas irão morar 24 ex-internos da Clínica Sayão - 8 em cada casa.
Uma delas contará com cuidadores masculinos 24h. As outras duas (uma masculina e outra feminina) serão compostas por ex-pacientes que já vivenciam este processo na Clínica Sayão, morando no bairro, sem qualquer problema, há mais de cinco anos.
Estes pacientes foram escolhidos por apresentarem completa autonomia e independência, e concretizarem sua territoriedade em Araras. Eles se encontraram como pessoas comuns, têm amigos, frequentam escola (EJA), têm alguma atividade profissionalizante; os outros escolhidos são ararenses que têm seus vínculos familiares fragilizados ou perderam suas famílias.
“É de extrema importância que se esclareçam alguns pontos: o acolhimento da comunidade é fundamental e principalmente que desmistifiquemos o que entendemos por loucura. Eles são cidadãos comuns, que retomam sua dignidade”, finalizou.

Secom / PMA

 
Espaço Interativo
Opções do Site

Escolher tema do site:


Biblioteca Municipal

Selecionar

Igreja Matriz

Selecionar

Praça Barão

Selecionar

Casa da Cultura

Selecionar

Padrão

Selecionar
 
Eventos de Araras
IPTU 2014
Saema TCA - Transportes Coletivos de Araras AraprevNFe / ISS Eletrônico Câmara Municipal de ArarasUAB Novo Estatuto do ServidorFeira Livre Projovem Urbano Araras Casa dos Conselhos Concurso Público Processo Seletivo Guia Farmacêutico Fiscalização de trânsito por radares móveis Precatórios Câmara de Conciliação Ponto de Cultura
Informativo Municipal

Receba diariamente as principais notícias de Araras em seu email!

Nome:
Email:

Clique para mais informações

Município de Araras - Rua Pedro Álvares Cabral, 83 - (19) 3547 3000

© Regras de Uso | Site desenvolvido pela Secom

Diminuir o tamanho da letra Aumentar o tamanho da letra